Curso online

introdução alimentar

© Petit à Petit 2017 by Milena Nardocci

São Paulo - SP

Curso online

introdução alimentar

E-book

VOCÊ TEM MEDO DO ENGASGO?

  • Milena Nardocci

5 mitos da introdução alimentar




O começo da introdução alimentar pode ser confuso e desafiador. Escutamos por aí um monte de informações sem saber o que é verdade e o que não é. Aqui eu listo 5 mitos da introdução alimentar.


MITO 1:

O bebê não consegue comer alimentos porque ainda não tem dente.


O bebê consegue sim comer alimentos mesmo sem dente. Ele usa a gengiva e a língua pra mastigar.


MITO 2:

O primeiro alimento que o bebê comer deve ser líquido ou papa.


Outro mito da introdução alimentar. O primeiro alimento do bebê não tem que ser líquido ou papa. Você pode começar a introdução alimentar com uma fruta, um legumes cozido ou até mesmo uma carne cozida.


Se você escolheu fazer a introdução alimentar pelo método BLW, os primeiros alimentos oferecidos podem ser sólidos.


Se você escolheu oferecer alimentos amassados com a colher, a consistência deve ser sempre pastosa e nunca líquida. Não é sopa não! Nada de bater a comidinha do bebê no liquidificador ou passar na peneira, basta amassar com um garfo.


MITO 3:

O bebê vai parar de mamar quando começar a comer.


Não! A introdução alimentar é também chamada de início da alimentação COMPLEMENTAR. Isto é, os alimentos vão complementar o leite materno, mas nunca substituir.


O leite materno continua sendo a principal fonte de energia e nutrientes nos primeiros meses de introdução alimentar. Por isso, não precisa se estressar se o bebê não comer muito no começo, o leite materno está aí para isso.


MITO 4:

Bebês menores de 1 ano não devem comer alimentos que podem causar alergia.


Hoje em dia já se sabe que o quanto antes introduzir um alimento, menores as chances do bebê desenvolver uma alergia. Por isso, se não tiver nenhum histórico de alergias na família, pode sim comer ovo, peixe, kiwi, morango, entre outros.


Mas atenção! Procure um pediatra ou nutricionista em caso de suspeita de alergias.


MITO 5:

Introduzir alimentos antes dos 6 meses ajuda na adaptação do bebê.


A Organização Mundial da Saúde recomenda o início da introdução alimentar a partir dos 6 meses. Não existe nenhuma evidência científica de que começar antes vai trazer benefícios para o bebê.